Assembleia Legislativa celebra 30 anos da Pastoral da Criança; Rosana Carvalho está entre as melhores da Bahia

Lima Lima 29 de dezembro de 2015 0
Assembleia Legislativa celebra 30 anos da Pastoral da Criança; Rosana Carvalho está entre as melhores da Bahia

“Agradeço o honroso convite que me foi feito. Quero manifestar minha grande alegria por estar aqui com todos vocês em Porto Príncipe, Haiti, para participar da assembleia de religiosos”, Dra. Zilda Arns Neumann, em palestra horas antes do terremoto no país.

meio5

A Pastoral da Criança da Diocese de Paulo Afonso já recebeu outros prêmios, em nível nacional e agora estadual.

Nascida na cidade de Forquilhinha, em Santa Catarina, no dia 25 de agosto de 1934, Zilda fundou nos anos 80 a Pastoral da Criança, por meio da qual ajudou a combater a mortalidade infantil no país.

Em nome de um amor, que não se explica com versos: àquele dedicado ao próximo, receita de Cristo para viver bem a vida, a catarinense enfrentou tudo. A pediatra e sanitarista formulou um projeto para disseminar o uso do soro caseio, bem como combater o flagelo da mortalidade infantil, nos 1980.

Passaram-se três décadas, até o dia 15 deste mês, pela iniciativa do deputado estadual Marcelo Galo (PT), a Assembleia Legislativa dedicou quatro horas para homenagear a Pastoral da Criança, através dos seus coordenadores, em vários níveis.

“Falaram de forma geral, em nível nacional e também da Bahia, das ações dentro de Salvador e das cinco regiões, entre os assuntos suscitados falou-se muito em ativar o “Sua Nota é um Show”, que está parado há quatro anos”, informou Rosana Carvalho, coordenadora da Pastoral da Criança na Diocese de Paulo Afonso.

rosana

Certificado de que as coisas estão no caminho certo na Diocese de Paulo Afonso.

Segundo afirmou Rosana, este recurso é destinado a outras obras de caridade, na Diocese são beneficiados: Vicentinos, Lar da Criança e Fundame: “Eles prometeram agilizar o processo, para dá suporte a estas campanhas.”

Premiação

A Pastoral da Criança tem ação em 35,6 mil comunidades e promove o acompanhamento de 1 milhão de famílias. Por isso alguns líderes foram premiados, pelo esforço pessoal e dedicação.

A Pastoral da Diocese de Paulo Afonso já recebeu outros prêmios em 2014, e agora mais dois certificados: “A comprovação que o nosso trabalho na Diocese de Paulo Afonso está andando bem, um dos prêmios diz respeito aos líderes – articuladores de saúde – em cada Ramo temos um, aqui na Diocese temos dez, distribuídos nas Paróquias”, explicou Rosana.

O trabalho deles é principalmente verificar como anda a saúde da criança: indo aos postos médicos, ver como anda o atendimento das crianças, se a grávida está fazendo o pré-natal, vacinas e antibióticos etc., o outro sobre a missão: “Fiquei surpresa ao saber do elogio do coordenador aqui da Bahia, para quem eu estou entre as melhores coordenadoras do estado.”

Rosana foi humilde, quem a conhece sabe da seriedade, da terminação, e do compromisso com o qual ela trata este trabalho: “Para dar certo é um trabalho que se vale de muitas mãos, cada Paróquia precisa de líderes comprometidos, precisamos principalmente do o apoio dos Padres”, contou.

Segundo explicou Rosana, se faz necessário mais empenho em três Paróquias da Diocese: N. S. do Bom Conselho, da Conceição e Senhor do Bonfim, nas cidades de Cícero Dantas, Antas e Chorrochó, respectivamente. “Em Cícero Dantas as coisas estão mais encaminhadas”, disse.

Pascom.

Deixe uma resposta »

Pesquisar



Siga-nos no Facebook